Arquivo da categoria: Destaque

Tudo sobre Storm x Lusa, a final da SPFL

A final estadual da São Paulo Football League, que coloca frente a frente São Paulo Storm e Lusa Lions, acontece hoje, a partir das 15 horas, no estádio do Canindé. Com ingressos vendidos antecipadamente, a expectativa é de grande público, que serão recepcionados com muitas atrações e distribuição de prêmios. Mas, sem dúvida, a maior expectativa fica para o lado de dentro do campo, onde os dois invictos jogarão uma partida oficial pela primeira vez.

A Tempestade enfrentou pela ordem: Corinthians Steamrollers, Ponte Preta Gorilas, São Caetano BlueBirds e Santos Tsunami. Enquanto o ataque azul converteu 132 pontos, a defesa não levou sequer um. Já o time adversário enfrentou Palmeiras Locomotives, Santos, Botafogo Challengers e superou o Steamrollers, na semifinal.

Com ingressos antecipados a R$ 20 (compre aqui: http://bit.ly/finalSPFL) e combos especiais para três e cinco entradas, as equipes esperam quebrar o recorde de público no estado, quando um amistoso entre os dois times reuniram mais de quatro mil fãs.

Mas, ao contrário da última vez, o encontro não terá nada de amistoso, já que se trata da primeira final a ser disputada pela Lusa na história e a sexta do Storm, que busca hoje o hexacampeonato estadual e a manutenção da hegemonia estadual. Nenhum outro time venceu tanto quanto a Tempestade no São Paulo.

Além da expectativa do jogo em si, o São Paulo Storm utilizará ela primeira vez em campo o uniforme comemorativo de 10 anos da equipe. Cheio de detalhes diferenciados, ele pretende ser uma atração a parte e já estará à venda na loja do time, no Canindé. As camisas azuis e brancas, além de itens de passeio, também estarão disponíveis.

O início da partida está marcada para às 15 horas, mas desde o meio dia, o público terá acesso ao Canindé e ao food park montado especialmente para a final, com mais de 15 opções. Os ingressos também estarão à venda nas bilheterias do estádio a R$ 25,00.

Storm enfrenta Corinthians pela liderança no paulista

São Paulo Storm e Corinthians Steamrollers entram em campo hoje para uma partida que vale muito mais do que a vitória simples. Protagonistas dos torneios que disputam e únicos campeões estaduais até hoje, as equipes voltam a se enfrentar após três anos de espera. E logo num jogo que vale a liderança na divisão metropolitana sul no campeonato paulista adulto de futebol americano, que dará ao vencedor uma rodada de descanso nos playoffs. O local do confronto é a cidade de Leme (no Clube Empyreo) – escolhida depois de muita controvérsia – e horário para o kickoff é 15 horas.

À Tempestade Paulista, fica mais um desafio: apresentar melhor atuação depois da derrota para a Lusa Lions, em amistoso que aconteceu em abril passado. A equipe sabe que pode render muito mais e não esconde a vontade de entrar em campo contra o Corinthians e mostrar que o último jogo foi um acidente de percurso.

Para corrigir os erros, o Storm intensificou os treinos e realizou várias reuniões de ajuste nos últimos vinte dias. Com os reforços inscritos durante a janela da FEFASP, pode-se esperar um time mais focado nos objetivos e na execução das estratégias traçadas pela comissão técnica.

Importante sim, mas engana-se quem acredita que o confronto versus o Steamrollers seja de vida ou morte. “Faz tempo que se espera uma partida entre as duas equipes, mas ela não é a mais importante. Temos muito campeonato pela frente e o foco é buscar a manutenção da liderança na nossa divisão”, deixa claro William Zapparoli, treinador principal do Storm.

A partida entre as equipes também terá atrativos na arbitragem. Isso porque dois americanos com experiência na NCAA liderarão o time de zebras do jogo: Bill Lemonnier e Alex Barinaga, que durante o fim de semana ministraram uma clínica para árbitros em Guarulhos (SP), organizada pela KG Esportes.

Dez motivos para não perder Storm x Lusa Lions

PARTIDAS_FA_lusaNo próximo domingo, a partir das 14 horas, São Paulo Storm e Lusa Lions se enfrentam pela primeira vez na história. A arena está definida: o estádio do Canindé. E não faltam motivos para você assistir uma das partidas que mais empolgarão o público paulista no ano de 2015. Enumeramos dez motivos para você não perder esse confronto. Mas se você não precisa de desculpa nenhuma, basta comprar o ingresso agora mesmo.

1- Infraestrutura de primeira
A partida acontecerá em um estádio capaz de oferecer toda comodidade ao público que comparecer para o jogo. Poucas vezes se oferece tamanha facilidade para estacionamento, chegada via transporte público e acomodações para um jogo de futebol americano na cidade de São Paulo.

2- Elencos dos dois lados
A Lusa foi a equipe que mais se reforçou para a temporada 2015 e essa será a primeira vez que os nomes estarão em campo. O Storm é um dos times mais tradicionais do estado e domina as competições realizadas em terras bandeirantes. Juntos, os times possuem o maior número de atletas paulistas convocados para a seleção brasileira de futebol americano.

3- O confronto Gardenal x Taylor
Eles são dois dos melhores jogadores do Brasil: Bruno Gardenal, pilar da defesa do Brasil Onças, e, Dhiego Taylor, o melhor linha ofensiva da seleção, terão um confronto a parte, cada um deles representando as cores azul e vermelha.

Gardenal, à esquerda, foi destaque recente em uma reportagem da revista Veja, ao lado de Taylor, à direita.
Gardenal, à esquerda, foi destaque recente em uma reportagem da revista Veja, ao lado de Taylor, à direita.

4- CBFA x TTd
O confronto entre as duas equipes marca uma importante aproximação no estado, uma vez que reúne um time que disputa o Brasileiro da CBFA e outro que disputa o também nacional, Torneio Touchdown.

5- A estreia dos novatos
O Storm aproveitará o amistoso para fazer a estreia do grupo de novatos que formam a classe 2015. Todos concordam que será uma oportunidade única para demonstrar, na prática, o que significa jogar futebol americano pela Tempestade Paulista.

10462852_724061694306698_8418936420754932566_n
Fratini em ação pelo Storm.

6- O reencontro com Leandro Fratini
O wide receiver, que por dois anos defendeu o Storm e jogou com os raios sob os ombros, sempre foi considerado um dos melhores atletas do País em sua posição. Mas perdeu espaço na seleção e acabou desembarcando no Canindé para a temporada 2015. Será a primeira vez que ele jogará contra a ex-equipe e o confronto com a secundária azul empolgará.

7- O xadrez dos treinadores
Zapparoli e Tidus fazem parte da nova geração de treinadores de futebol americano no Brasil. Ambos com menos de trinta anos, comandam Storm e Lions, respectivamente. A partida será uma excelente marca no currículo do vencedor e promete muito no quesito movimentação das peças do xadrez.

8- Food Trucks para quem gosta de comer
Para quem uma partida de futebol americano também pode ser um festival gastronômico, a organização preparou um food park próprio, onde 10 tipos diferentes de refeições serão oferecidas ao público.

9- Rivalidade
Storm e Lusa querem se encontrar faz tempo, mas nunca tiveram chance de fazer isso nos torneios que disputam. Mas a rivalidade não será menor e os dois lados prometem entregar o que o adversário merece.

10- Tudo isso só por R$ 20,00
Se você quer assistir a partida e participar desse evento único no estado de São Paulo, compre seu ingresso agora por somente R$ 20,00. Faça parte dessa rivalidade, que nasceu junto do confronto. #bluepride

Storm enfrenta Ocelots pela terceira rodada do paulista

No próximo domingo (19), a partir das 10 horas, o time masculino adulto do São Paulo Storm viaja até Jundiaí para  mais uma partida do campeonato paulista de futebol americano 2015 da FEFASP. O adversário da vez é o Ocelots, que perdeu a única partida que disputou até aqui. Mas, se depender da Tempestade Paulista, a recuperação vai ficar para outro dia. O jogo acontecerá no Centro Esportivo Romão de Souza, que fica na rua Luís Benachio, S/N – Jardim Colônia.

Além do foco de recuperação de adversário, o Storm terá que lidar com os desfalques, uma vez que terá quatro atletas nos treinamentos organizados pela seleção brasileira de futebol americano, que em julho disputará o campeonato mundial. “Claro que cada um deles fará falta, mas pretendemos aproveitar a situação para dar ritmo de jogo aos que entram e, quem sabe, ainda apresentar algumas surpresas”, informa, enigmático, William Zapparoli, treinador principal da Tempestade.

PARTIDAS_FA_OCELOTSSem poder contar com os jogadores da seleção, a torcida pode ficar de olho em dois atletas, que já se destacaram anteriormente: o guard Alemão, pelo ataque, e o linebacker Jonathas Fraccari, um dos líderes da defesa.

Outro ponto que deve contribuir positivamente para uma boa partida é a condição do campo de jogo. “Tivemos uma ótima impressão, quando estivemos lá para enfrentar o Underdogs, a tendência é nos sentirmos confortáveis tanto quanto a qualidade do gramado quanto à estrutura oferecida para cada uma das equipes”, comenta o Zapparoli.

Até o momento, o Storm é o líder da divisão Sul da Conferência Metropolitana do campeonato paulista, tendo efetivado 133 pontos a favor e nenhum contra. Trata-se da melhor campanha do campeonato e uma vitória domingo deve direcionar a tempestade para o caminho da classificação aos playoffs da competição.

SERVIÇO
Jundiaí Ocelots x São Paulo Storm
Campeonato Paulista de Futebol Americano – FEFASP
Local: Centro Esportivo Romão de Souza
Endereço: Rua Luís Benachio, S/N – Jardim Colônia – Jundiaí
Horário: 10 horas
Entrada: Franca

 

 

Storm vence Vikings e quebra recorde histórico da Fefasp

storm versus vikingsO último domingo foi histórico para o São Paulo Storm. Com uma atuação sem sustos de todas as unidades da equipe, a Tempestade Paulista superou o Vikings Futebol Americano por 104×00 e cravou a maior diferença de placar na história do Paulista da Fefasp, além de ter sido o maior resultado do próprio time. Com as partidas do fim de semana, o Storm se manteve na liderança da divisão Sul da conferência metropolitana, com campanha de 2-0, 133 pontos convertidos e nenhum sofrido.

“Foi uma apresentação sem retoques, conseguimos efetivar em campo tudo aquilo que nos propomos, mas sabemos que é só mais um passo em direção ao nosso objetivo prioritário, que é estar num segundo nível de preparação para os jogos finais, tanto do Paulista quanto do Brasileiro”, revela o treinador principal do Storm, William Zapparoli.

Para chegar ao resultado, o time teve que apostar num ritmo forte desde o início. E, apesar da forte chuva que persistiu durante todo o primeiro tempo, o Storm fez valer sua superioridade, se valendo da força das linhas ofensiva – que abriu caminho para várias corridas dos running backs – e defensiva, que pressionou o ataque dos Vikings em absolutamente todos os downs. Apostando nas conversões de dois pontos, a Tempestade foi para o vestiário ao fim do segundo quarto com um placar de 46×00.

Sem a chuva, o time voltou para a segunda etapa de jogo focado em testar formações e focar nas execuções das jogadas, mas não abriu mão de manter o ritmo que já tinha imprimido na primeira parte do jogo. O resultado se refletiu no campo e no placar, já que o time azul conseguiu buscar mais 58 pontos no placar e fechar a conta em 104×00.

storm vikings 2

O foco do São Paulo Storm vai para a partida contra o Jundiaí Ocelots, que acontecerá no dia 19/04. Uma vitória coloca a equipe em uma posição bastante confortável para conquistar uma das vagas aos playoffs da competição. Até lá o grupo seguirá com a rotina de treinos.

Os pontuadores da partida frente ao Vikings foram, pela sequência em campo: Alan Giamas (XP2 com Monobloco), Lucas Monobloco, Alan Giamas (XP2 com Gardenal),  interceptação de Anderson Forato (XP2 com Giamas), Lucas Monobloco (XP2 com Monobloco), interceptação de Matheus Vinera (XP2 com Gardenal), interceptação de Felipe Gadeilha (XP Gadeilha), Vinicius Tails (XP Gadeilha), Guilherme Jesus(XP2 com Gadeilha), Bruno Gardenal (XP Gadeilha), Bruno Gardenal (XP Gadeilha), Alan Giamas (XP Gadeilha), Luiz Domingues (XP Gadeilha) e Lucas Monobloco (XP2 com Gardenal).